logo teologia nordwste

Rolando Lazarte

Escrever é uma necessidade. É um movimento que busca se expressar. Algo nosso que quer vir à tona.

Não pode ser algo forçado. Neste momento, não forço nada. Apenas deixo com que venham algumas palavras.

Alguns sentimentos que quero partilhar. Estive em Café do Vento, município de Sapé, na Paraíba. Era uma jornada teológica sobre o tema “A fé e o evangelho na vida cotidiana.”

Umas vinte pessoas. A conversa fez parte da XII Semana Teológica Padre José Comblin. Acolhimento. Acolher não apenas as pessoas próximas, mas também a nós mesmos/as.

Para mim foi a recuperação de um fazer em comunidade. Solidariedade. Escuta e diálogo. Aprender constantemente.

Escutando as pessoas presentes e a mim mesmo, fui recuperando uma sensação muito alegre. Podemos construir coletivamente. Não necessitamos pensar igual.

Aliás, são as diferenças as que nos enriquecem. Uma sensação antiga e atual. De volta em João Pessoa, a vontade de descansar.

Deixar com que o dia vá se indo. Na espera de que a luz encontrada e partilhada, siga nos guiando. Podemos desfazer a opressão social desde dentro, e em volta.

Viver cada momento com aquela ternura especial de saber que a vida é tão preciosa!